Filmes que valem a pena assistir

Da série Dicas

shutterstock-194794910

 

 

 

Texto- Bíblico: Mateus 6:23

Essa é uma lista de filmes que me edificaram muito em diversos sentidos (fé, maturidade emocional e psicológica, a entender e lidar melhor com as pessoas, no casamento, etc). Por isso recomendo para você assistir juntamente com sua família e amigos.

São eles:

  • Ele trata sobre a diferente caminhada de vida de diversos homens até o momento em que eles se deparam com diversos problemas atuais que só podem mudar de acordo com a ação e influência deles mediante uma firme decisão e ajuda uns dos outros. Esse é um dos filmes que me ajudaram bastante a lidar com a falta de um pai terreno em minha vida e, na minha caminhada em busca de ser um homem melhor para a Glória de Deus. E que me inspiraram a criar esse blog, bem como todo o projeto que o envolve. Todo Homem Cristão e não cristão, com filhos ou sem, casado ou solteiro deveria assistir esse filme. E baseado no filme também existe o livro A resolução de todo homem, excelente livro.
  • A Prova de fogo. Não podemos abandonar nosso cônjuge, devemos lutar por nossos casamentos. Para que é casado ou está se preparando para o casamento, recomendo ver e rever esse excelente filme que trata sobre o casamento de uma maneira bíblica e madura.
  • Desafiando Gigantes. Todos nós temos nossos ‘gigantes’ (diferentes problemas) que temos e somos desafiados a enfrentar a cada dia. É um filme que tem uma poderosa lição para os homens mais jovens que possuem a sua frente inúmeros desafios a viver. E aos que já passaram por várias provações, que valeu a pena e a jornada ainda é longa. Mas que com Deus tudo se torna uma experiência rica de diversas bênçãos de Deus ao passo em que caminhamos com Ele.
  • A Paixão de Cristo, de Mel Gibson. Um filme que retrata muito bem como foram os últimos momentos do Nosso Senhor antes da sua Crucificação e Gloriosa Ressurreição.
  • O Evangelho Segundo João e Atos, são dois filmes que seguem versículo após versículo, capítulo após capítulo os seus respectivos livros bíblicos. Ou seja, é uma forma de seus filhos pequenos e sua família, amigos e vizinhos “lerem” a Bíblia e serem evangelizados.
  • As listras da zebra. É um filme da Missão Portas Abertas, que trata sobre a perseguição aos cristãos através da história de um jovem muçulmano que se converte ao cristianismo. Existem outros filmes deles também, como por exemplo: Bambus no Inverno, Atrás do Sol, A noiva do oriente, etc.
  • Deus não está Morto 1 e 2. Ambos os filmes tratam sobre o desafio de vivermos e proclamarmos nossa fé, nos dias atuais. Onde o materialismo, a perseguição de diversas formas aos cristãos, ateísmo, relativismo moral e intelectual e tantos outros desafios parecem imperar. Mas em Cristo, nós temos uma resposta poderosa a todos esses desafios e problemas de nosso mundo – O Evangelho de Cristo Jesus.
  • O Peregrino. Baseado no livro de mesmo nome, de Jonh Bunyan. Podemos acompanhar e aprender ricas lições na jornada de Cristão rumo a Cidade Celestial.
  • Uma Chama na Escuridão – filme sobre a vida e ministério do considerado ‘Pai das missões modernas’. História incrível de um homem sem formação ou talentos, mas que Deus conduziu e usou poderosamente. Vale a pena também assistir outros filmes biográficos sobre homens e mulheres de Deus, como por exemplo:  Jornada pela Liberdade (Disponível na NetFlix),
  • O Livro Proibido, da Missão Portas Abertas. Esse filme/documentário trata sobre o valor que a Bíblia tem para os cristãos que sofrem perseguição e como é tratado quem é pego portando uma bíblia em diversos países onde o povo de Deus sofre perseguição.

 

 

Minha oração é que Nosso Deus edifique e fortaleça a vossa fé, bem como contribua para que seus familiares, amigos e conhecidos conheçam mais ainda sobre o Nosso Amado Deus e nossa Fé em Cristo Jesus.

 

 

 

Em Cristo Jesus, Filipe Paulo Christian

 

Anúncios

O que está diante de você e seus filhos?

 

movienightTexto- Bíblico: Salmo 101:3

Não porei coisa má diante dos meus olhos. Odeio a obra daqueles que se desviam; não se me pegará a mim.”

No nosso dia a dia, assistimos várias coisas (novelas, filmes, seriados, vídeos no youtube, clipes musicais, vídeo games, etc). Porém, nossas crianças ainda não aprenderam a importância de filtrar o conteúdo e mensagem do filme, especialmente no que se refere a nos trazer aprendizado. Entenda que tudo o que vemos, ouvimos e sentimos através de nossos sentidos entra em nossa mente e consequentemente produz algum fruto, seja ele bom ou mau em nossas vidas. Por isso a pergunta: “ O que você tem colocado diante dos seus olhos? E de seus filhos?”

 

É muito importante aprendermos a filtrar e avaliar tudo o que assistimos, tem muita coisa interessante pelo ponto de vista do entretenimento e diversão. Mas que avaliemos sempre o que assistimos e mais ainda nossas crianças, já que os mesmos não possuem ainda um senso crítico bem desenvolvido e nem tão pouco embasado nas Escrituras Sagradas (2 Timóteo 1:4-8a).

 

Sugiro os seguintes filtros:

– Sua Consciência e Bom senso.

– Bondade, Utilidade e Verdade (Filipenses 4:8)  É bom ? É útil ou tem oferece algo proveitoso? É  verdadeiro (ou traduzindo em detalhes, tem algo que vá de encontro a Palavra de Deus aberta e totalmente)?

– A Palavra de Deus. Pra não seguirmos nem o extremo da arrogância, nem o da ignorância. Sigamos a Palavra de Deus que nos dará juntamente com o Espírito Santo uma direção clara, sensata e equilibrada (ou madura) a respeito de tudo, inclusive do que assistimos e ouvimos.

– Conhecimento sobre a origem e os frutos. No que é baseado ou inspirado, quem escreveu ou criou? E notícias relacionadas?

 

Desejo, que possamos como homens avaliar, analisar, pensar, julgar, isso mesmo julgar tudo o que vemos e ouvimos de maneira bíblica, madura e sensata em prol de obter coisas proveitosas e boas para nós mesmos e nossas famílias. E usar um desses filtros para avaliar não somente filmes, livros e outros coisas do gênero. Mas também muitas questões da vida e escolhas que queremos ou temos que fazer. Que o Senhor nos abençoe e nos guie a vivermos Sua Perfeita Vontade diariamente em nossas vidas.

 

 

Em Cristo Jesus, Filipe Paulo Christian

Quando um Ministério/Grupo de Homens na Igreja falham?

homens

 

Texto-Bíblico: 2 Timóteo 2:1-2

As famílias lamentam, e os homens perecem! Por que? Porque, dentre vários motivos importantes, um deles é porque não temos ministérios ou grupos de homens fortes e piedosos em nossas igrejas. E de quê forma, esses homens perecem? De diversas formas, espiritual, emocional, psicológica, física e moral. E não somente os homens dessa geração perecem, como também o futuro de nossos filhos não está garantido.

Alguns fatores para a Falha de ministérios/grupos de homens em nossas igrejas:

  • Por não existirem! Infelizmente, as igrejas atualmente tem se voltado quase que de uma maneira exclusiva somente para as mulheres e os jovens. O que deixa as igrejas sem uma liderança e influência masculina forte e preparada para conduzir suas famílias e lares, igrejas, empresas, etc. Quanta negligência a nossa, de não investirmos na vida e no discipulado de homens. Como pecamos contra o Senhor e contra seu Povo, e mais ainda contra nossos filhos e as futuras gerações de homens que viverão nesse mundo (2 Tm 2:2)
  • Por se omitirem de ensinar e tratar sobre Tudo. E de maneira bíblica, profunda e séria. E em contrapartida, aonde os futuros homens de nossas igrejas vão aprender sobre os mais diversos tipos de assuntos? No mundo, na TV, na Internet, com os ‘amigos’ ímpios e através de filmes/músicas carregadas de todo tipo de lixo. Não estamos ensinando, treinando e preparando uma geração de homens melhores e mais fortes do que nós mesmos. Muito pelo contrário, temos falhado e produzido uma geração de homens fracos, covardes, presunçosos e o pior de tudo – cada vez mais e mais temos uma geração de homens ímpios e que caminham para o inferno dentro de nossas igrejas e, levando junto consigo mesmos suas próprias famílias. Deus tenha misericórdia dessa geração de homens. É a mais ímpia e fraca de todos os tempos (Mateus 28:19-20/ Atos 20:25-31)
  • Por não buscar, cuidar e preparar os Homens mais Jovens. Infelizmente é a mais pura realidade que percebo nas mais diversas igrejas, os mais velhos não estão nem fazendo o mínimo necessário para investir tempo, esforços, dinheiro e recursos para que os homens mais jovens estejam preparados para enfrentar os desafios dessa vida, de um mundo que afronta a nossa fé e ao nosso Deus, da vida conjugal, da paternidade, e tantos outros que eles enfrentarão (Veja o relacionamento entre Moisés e Josué, Elias e Eliseu, Paulo e Timóteo).

 

E agora? O que faremos, iremos ficar a lamentar, chorar e sofrer as consequências das nossas próprias falhas? Ou iremos fazer algo para mudar essa terrível situação?

Minha oração é que o Senhor levante homens que tenham o mesmo sentimento e atitude que houve em nosso Senhor Jesus Cristo, bem como em diversos servos de Deus como os já citados Moisés, Elias, Daniel, Paulo e tantos outros. Homens cuidem dos mais jovens e uns dos outros!

 

 

Em Cristo Jesus, Filipe Paulo Christian

A Experiência da Mesa

2014-04-22_Encontro_Pelo_Face

 

Texto-Bíblico: Atos 2:46-47

Em sua casa, vocês vivem a experiência de sentar-se a mesa para participar das refeições juntos? E mais ainda, para conversar, orar, saber como estão cada um, etc?

Pois bem, a um tempo atrás eu pude ler o livro “ A experiência da mesa, de Devi Titus”. Livro excelente e que desde já recomendo aos casados e solteiros que leiam e ponham em prática a idéia principal desse livro em suas vidas e lares. O livro nos fala sobre a importância espiritual, emocional, relacional (não sei se existe essa palavra, rsrsr) e física do sentar e estar a mesa. Não somente para tomar o café da manhã, almoçar ou jantar, mas ir além disso e desfrutar de algo que se perdeu na grande maioria dos lares de todo o mundo, não somente do nosso país – O compartilhar conversas, vivências e experiências uns com os outros, tratar problemas, abrir o coração, aprender com as gerações anteriores e preparar as futuras, se relacionar mais de perto com nossas famílias e amigos, orar e buscar de Deus socorro e ajuda para cada novo dia e, muitas outras bênçãos que advém do estar e sentar-se a mesa com nossa família e amigos.

Mesmo eu sendo cristão desde meus 14 anos, só vim descobrir as bênçãos e alegrias desse momento, após começar a namorar com minha esposa e, poder viver isso com a família dela de maneira plena. E mais ainda após aprender o valor disso tudo para Deus e para nossos casamentos, famílias e relacionamentos de amizade (sejam pessoais, da igreja, trabalho, etc) depois de ler esse livro.

Gostaria de nesse artigo, dar 4 benefícios ou razões para você, seja solteiro ou casado, pai, marido ou filho. Realizar em sua casa.

  • Você, Sua Família e convidados podem desfrutar de um momento de comunhão com Deus e uns com os outros.
  • É um momento de renovação para seu corpo e para sua mente. Pois você se alimenta junto com sua família e amigos.
  • É um momento de conversar, e pense num momento. Pois antes, durante e depois das refeições, tudo será motivo pra conversar sobre tudo.
  • É um momento chave para blindar sua família de males dos tempos atuais e preparar as futuras gerações. A mesa também é lugar pra orar, ensinar a Bíblia, compartilhar experiências de vida, conversar sobre diversos assuntos, expor medos e dificuldades, etc.

 

 

Experimente começar essa semana a viver esses momentos abençoadores com sua família (pais, irmãos, cônjuge, filhos, outros parentes, amigos, conhecidos, vizinhos, etc). Nesses tempos de correria, onde muitas famílias só chegam em casa para dormir e, passam os dias, semanas, meses e anos distantes uns dos outros. E como consequência colhem os frutos dessa falta de semente. Vamos plantar hoje o que queremos com certeza colher todos os dias. Homens vocês são importantes para que isso comece em seu lar, ajudem seus pais ou esposas a darem início ou a melhorarem esse momento único, mesmo que vocês só possam se reunir a mesa somente uma vez por dia, seja no início do dia ou no final. Mas façam, vocês perceberão por si mesmos que vai valer a pena.

 

 

 

 

Em Cristo Jesus, Filipe Paulo Christian

 

 

Quando calamos a nossa Voz, como Igreja

 

o q te impede d falar

Texto-Bíblico: 1 Timóteo 3:15/ 1 Pedro 3:15

Nesses últimos dias, nós cristãos e povo de Deus vivemos um momento terrível. Onde o certo se tornou errado e, o errado se tornou certo. Literalmente, o que poderíamos chamar ou conhecer como a banalização do mal. Se tornou imensamente comum, aceitar e tolerar o mal nas suas mais diversas formas, seja passiva ou ativamente. Simplesmente, temos fechado nossos olhos, tapado nossos ouvidos e calado nossas bocas. Seja em nossos campus acadêmicos, na política, televisão e entretenimento, lares, rodas de amigos, empresas e até mesmo em muitas igrejas, infelizmente e para nossa tristeza.

E nesse ponto, eu lamento e me entristeço demais. Em meio a esse mundo que jaz literalmente no maligno, que tem todo o seu sistema de crenças, valores e ações totalmente contrários a Palavra de Deus. Basta dia após dia, assistirmos a TV para ver o estado cada vez pior que a humanidade e nosso planeta segue.

Diante disso tudo, o que nós como Igreja do Senhor Jesus, temos feito? Falado? Cremos?

Infelizmente, mais uma vez Aquela que foi chamada para ser Coluna e Baluarte da Verdade nesse mundo, tem se calado cada vez mais, onde seu príncipe é o pai da mentira, ou seja, o diabo rege e influencia. Gostaria de pontuar algumas questões que temos sido confrontados pelo mundo como intolerantes, fanáticos, loucos e preconceituosos. E que nós, como povo de Deus temos nos omitido, calado e recuado diante delas, algumas são:

– Homossexualismo. Hoje somos obrigados a tolerar, amanhã seremos confrontados a aceitar e depois de uma vez por todas a participar. E dentro desse assunto, infelizmente muitas que antes eram igrejas cristãs, agora são igrejas apóstatas por negarem e abandonarem a fé, ao não somente aceitar como membros, batizar, mas também ordenar como ministros em seus templos, tanto homossexuais, quanto lésbicas (João 3:16-21).

– Corrupção e Perversão da Justiça por injustiça. Desde o nosso lar até as altas cúpulas do poder político de nosso país, todos estão emaranhados em diversos tipos de pecados e atos detestáveis. Basta vermos milhares de família sem emprego, comida em casa, empresas que quebraram ou fecharam, escândalos, desvios de verbas públicas, etc. Corromperam-se a tal ponto que parece, que são impunes a qualquer tipo de justiça. Esse é um ponto em que parece ao meu ver, que a Igreja entregou total e completamente o mundo e tudo o mais nas mãos de Satanás (Salmos 14:1-4).

– Relativismo Moral e Intelectual. Nesses tempos de pós-modernismo, infelizmente temos caído em algo terrível, que é o relativismo. O que é verdade para você, não é para mim. E muitos se levantam dizendo que sabem o caminho, quando eles mesmos nem sabem para onde estão indo. São como crianças levadas por todo tipo de vento doutrinário ou supostamente acadêmico (Efésios 4:11-16).

– Omissão da Liderança e Influência Masculina, em todos os setores. Esse é o pior de todos os problemas, pois por conta disso temos enfrentando de um lado o extremismo do homossexualismo (e seus afins) e por outro o feminismo. Ambos os problemas, polos opostos do equilíbrio que deveria ser perfeito e completo. Onde Homem e Mulher se complementassem e, não que fiquem em eterno “pé de guerra” constante. E que somente nos traz derrotas imensas e das mais diversas, seja no governo de nosso país, repartições públicas e empresas privadas, escolas, lares e igrejas também (Ver a história de Acabe e Jezabel – 1 Reis 16:29-34).

 

Isso tudo vai permanecer prevalecendo até quando, sem ser confrontado e combatido? Até quando e onde, nós homens e a Igreja iremos permanecer se calando diante desses problemas que nos cercam a tal ponto, que aparenta estar nos vencendo. Mas fiel é o Nosso Deus, que prometeu que as portas do inferno não prevalecerão contra a Igreja. Porém, eis a questão: nos posicionaremos do lado dos que permanecem fiéis ao Senhor? Ou ficaremos do lado do mundo, junto com aqueles que escolheram se calar e se omitir diante de tão sérios problemas?

 

 

Em Cristo Jesus, Filipe Paulo Christian

Decida Combater a Injustiça e o Mal

Soldado-de-Cristo

Texto-Bíblico: Miquéias 6:8

 

Cada geração encontra males que precisam ser confrontados e identificados. E cada geração precisa de homens fortes e ousados que se levantem corajosamente contra eles.

Esta geração – Pelo bem das gerações futuras – precisa de VOCÊ!

Nossa cultura, e até mesmo muitos cristãos, estão lentamente se tornando indiferentes aos males que distorcem e confundem nossa moral. Homens estão tolerando, aceitando e participando cada vez mais e mais de coisas que Deus disse que devemos odiar e desprezar. Temos falhado não somente ao não proteger o coração da sujeira imoral e da poluição, mas também ao nos entreter com as coisas que devíamos considerar vergonhosas e malignas. Ao invés de sofrermos pelos males sérios em nossa sociedade, nos permitimos cair no coma induzido da mídia, que nos deixa alheios aos problemas reais e assuntos que mereciam nossa devida atenção. Ao invés de nos dedicarmos aos esforços que poderiam moldar as futuras gerações, nós nos comprometemos tanto com o trabalho e entretenimento que não temos tempo para nada mais substancial e duradouro. A maioria de nós assiste em média cerca de cinco horas por dia de TV, ou passa esse ou mais tempo na Internet. Esse é um tempo valioso que desperdiçamos, quando poderíamos dedicar as nossas famílias.

Como podemos odiar o mal se diariamente damos permissão para que ele entre em nossas vidas e casas, seja pela TV ou pela a internet? Como podemos impactar nossa comunidade para Cristo se não usamos o tempo que temos para cuidar dela de verdade?

Três considerações de acordo com Miquéias 6:8, para todo homem cristão:

– Praticar a Justiça. Lide de forma justa e honesta com os outros, enfrente o mal (seja de que forma ele estiver ou se apresentar a você), tanto em nós mesmos quanto em nossa sociedade e, intervenha em favor dos fracos, pobres, vulneráveis, maltratados e oprimidos.

– Amar. Discernir as necessidades físicas e espirituais dos outros e representar as mãos e o coração de Cristo para as pessoas que precisam desesperadamente de compaixão, ajuda e libertação de toda forma de mal e injustiça.

– Andar humildemente com o Teu Deus. Viva uma vida prudente e altruísta diante Dele, dedicando-se a Ele e á Sua Palavra e exercitando sua fé e amor de forma que honre ativa e constantemente Seu Reino.

Justiça. Misericórdia. Humildade.

A batalha diária contra o mal.

Sempre que um homem levar a sério o amor a Deus e ao seu próximo, ele terá que sair da sua zona de conforto e seguir para um lugar onde terá que lutar para enfrentar e combater o mal para trazer justiça ao distribuir misericórdia. Lute pela Causa de Cristo em nossa geração. Não fuja da luta. Você foi chamado por Cristo e em Cristo para lutar pelo o que é certo.

(Artigo feito/extraído do Livro “A Resolução de Todo Homem”, Editora BvBooks. Páginas 165-167)

 

Em Cristo Jesus, Filipe Paulo Christian

 

Relacionamentos que Afiam (PARTE 2)

medieval-blacksmith

Texto-Bíblico: Provérbios 27:17

 

Continuando o texto anterior, gostaria de deixar algumas considerações práticas para nossa edificação e crescimento em Cristo. Por vezes, nos faltam amigos que nos confrontem com a Verdade, mas que também nos ajudem e levantem com Amor diante das adversidades desta vida. Amados, lembrem-se que o Nosso Senhor é Fiel e sempre provê Graça através da vida de sua igreja e povo santo.

 Para Você

Na Obra O Peregrino, de John Bunyan. Lemos sobre a jornada de Cristão rumo a Cidade Celestial, e durante esse longo percurso, ele pedi ao Senhor a companhia de um amigo. E o Senhor lhe manda um amigo de longa data e que também era habitante da Cidade da Destruição, ele se chama Fiel. Mais vemos que essa companhia duraria pouco tempo até chegar a Feira das Vaidades, onde Fiel foi morto por causa de sua Fé. Mas a morte de Fiel, trouxe Esperança. Outro amigo que Cristão contaria até o fim de sua caminhada. Recomendo lerem essa Obra.

Como Pessoas precisamos de outras pessoas, pois fomos criados por Deus com o anseio de nos relacionarmos e só podemos crescer como homens através do relacionamento dia a dia com outras pessoas, além de nossas próprias famílias.

Considerações importantes para você observar:

Saia da caverna e busque se relacionar com outros homens. O natural para nós homens é vivermos isolados, diferentes das mulheres que amam se relacionar com diferentes tipos de pessoas, desde crianças até idosos. Deveríamos aprender com elas, pois isso é um fator de felicidade e de saúde. Leia a História de Elias, quando pensava que estava sozinho em Israel (1 Reis 19:1-21/18:3-4,22)

Se envolva em grupos. Se envolver em grupos irá te permitir conhecer novas pessoas e, consequentemente pessoas que são familiares, amigos e colegas das pessoas que fazem parte do grupo que você participa. Ou seja, pessoas que conhecem pessoas.

Entenda que você precisa de amigos. Não é uma opção, é uma necessidade dada e formada em nós pelo Próprio Deus. Amigos nos fazem crescer, nos renovam, nos ajudam a avançar em várias áreas de nossas vidas, etc. Leia sobre a amizade de Homens de Deus como Davi e Jônatas (1 Samuel 20).

 

 

Para você e os outros

Por diversas vezes vejo Homens se isolando totalmente da igreja e de amizades e, por que? Porque se decepcionaram em algum momento com outras pessoas e, não sabendo lidar com problemas e com pessoas. Resolveram se isolar ou se fechar em seu ‘mundinho’.

Amados, vivemos em um mundo caído no pecado e que jaz no maligno. E mesmo para nós, Homens cristãos, algumas coisas não são diferentes. Pois ainda vivemos nesse mundo maligno, estamos sujeitos as mesmas debilidades que os ímpios, somos tentados dia após dia, constantemente enfrentamos lutas contra o diabo, o mundo e nossa velha natureza seja interna ou exteriormente.

Então, entendam de uma vez por todas, da mesma forma que outras pessoas lhe decepcionam, falham ou erram contra você. Você também faz o mesmo de diversas formas e maneiras, percebendo ou não. Precisamos ser humildes diante do Senhor  em reconhecer nossos próprios pecados e debilidades. E buscarmos em Deus, uma “Metanóia” completa em nossas vidas, ou seja, uma verdadeira mudança de mente e de vida que envolve arrependimento e conversão ao Senhor em cada área de nossas vidas.

O que você deve considerar ao lidar com outras pessoas?

– Somos todos pecadores. Ao entender isso, você vai buscar mais a Graça de Deus para sua própria vida e também pra lidar com a vida dos outros.

– Não se esqueça que somente perdoando os outros, Deus vai lhe perdoar. Leia a parábola do credor incompassivo em  Mateus 18:21-35, onde o foco é o perdão.

– Aprender a conviver e lidar com pessoas. Sem isso, você nunca irá crescer em nenhuma área de sua vida e, muito menos como cristão.

 

 

Em Cristo Jesus, Filipe Paulo Christianmedieval-blacksmith