DEVOCIONAL 16

d16

 

CONFISSÃO

Leitura: Gênesis 42.1-24

“Na verdade somos culpados, no tocante a nosso irmão, pois lhe vimos a angústia da alma, quando nos rogava, e não lhe acudimos; […]”
Gênesis 42.21

Um dos mais belos e ricos relatos bíblicos, sem dúvida qualquer, são aqueles que têm José como personagem principal! E talvez exatamente por isso, seja uma das histórias mais pregadas, ao mesmo tempo, que tão pouco explorada – ou pelo menos, explorada superficialmente.

O contexto desse versículo ilustra o primeiro encontro de José com seus irmãos, depois de ter sido vendido. Tanta coisa aconteceu nesse meio tempo. Quanto sofrimento de ambos os lados. Quantas lágrimas. Que processo! E agora estão ali: frente a frente, cara-a-cara. Porém, apenas José os reconhece.

“Na verdade, somos culpados”. Essa era a frase que José queria ouvir! Ali, José prefigura Cristo, e assim como os patriarcas pra fazerem parte do Reino e viverem precisaram confessar suas culpas, assim acontece conosco!

Não raro, carregamos erros e pecados por anos, e esses segredos sórdidos nos consomem as forças e minam a alegria! Mas hoje é dia de confessar as culpas Aquele que tem o poder para perdoa-las!

E então ouça Cristo dizer:
“… Filho, os teus pecados estão perdoados!” (Marcos 2.5)

Felipe Rocha

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s