Arquivo da tag: Família

Várias Maneiras de SER HOMEM?!

4-passos-para-salvacao-em-jesus-cristo

Texto-Bíblico: Romanos 1:18-32

Recentemente, assistindo vídeos no youtube pude me deparar com uma campanha publicitária interessante, porém infeliz em seu conteúdo. A campanha publicitária é da empresa de perfumes e cosméticos Natura, que tem diversos produtos. Dentre eles tem uma linha de produtos voltados para os homens.

E justamente essa campanha se referia a essa linha ou série de produtos, Natura Homem. É interessante vermos diversas empresas que oferecem bons produtos para nichos específicos, como produtos só para mulheres, ou somente para homens, ou crianças, etc. Pois cada um de nós seres humanos temos características diferentes de acordo com esses grupos, mas até mesmo entre as mulheres existem imensas diferenças, como tipo de cabelo, pele, hábitos, etc.

Porém, a infelicidade dessa campanha específica é que ela é uma campanha ideológica. E se junta a tantas outras campanhas de empresas que resolveram abraçar a ideologia de gênero, bem como bandeiras como o feminismo e a agenda/ativismo LGBT.

A Campanha em questão é essa no link abaixo:

https://www.youtube.com/watch?v=W5SAmO6ZzF8

Nela encontramos a afirmação que dá título a esse artigo “Várias maneiras de ser homem”. Como assim? Existe mesmo isso? O que a Bíblia e a Ciência tem a dizer sobre isso?

Tem várias maneiras de um prego ser prego? Um leão ser leão? O sol ser sol? E por vai. Todas as coisas que existem tem características e qualidades que as tornam únicas e diferenciadas das demais coisas.

Ou seja, nasceu menino é menino. Se você é um homem, você não pode e nunca será qualquer outra coisa. Você pode até mudar a sua aparência, comportamento e hábitos. Mas nunca haverá de fato uma mudança genuína de quem realmente você é de fato, HOMEM!

Ao mesmo tempo que rejeita o que a Bíblia tem a dizer sobre o que significa ser homem, essa campanha anuncia uma mentira deturpada, corrupta e depravada ao rejeitar o que a ciência também estabelece como fatos científicos.

Não há e nem existem várias maneiras de ser homem!

Só uma maneira de ser homem, sendo homem. De acordo com o que a Bíblia e a Ciência estabeleceram como sendo peculiar, natural e certo ao homem ser, ter e fazer.

– Somente um homem e uma mulher podem formar família.

– Sexo só é bom, agradável e perfeito quando feito por um homem e uma mulher. Além de ser natural, é também completamente funcional.

– Homossexualismo, transsexualismo e todas as demais variantes disso são chamadas de pecado por Deus. E pela ciência, podemos ver claramente com provas e evidências científicas que nasceu menino é menino, nasceu menina então é menina. Não existem meios termos. Do micro ao macro, um homem é um homem. E uma mulher é uma mulher. Da concepção até a morte de um indivíduo, ele ou ela serão sempre os mesmos.

– Para uma empresa vender e lucrar, ela não precisa e nem deveria levantar bandeiras ideológicas e políticas. Basta que produza e ofereça de fato bons e excelentes produtos e serviços. E isso BASTA, nada a mais. Principalmente, quando é propaganda enganosa e ideológica. Lucram com a imoralidade e depravação da sociedade ao fazerem isso.

– Na campanha é citada a palavra VERDADE, bem como “Celebrar todas as maneiras de ser homem”. Uma coisa não condiz com a outra, não mesmo. O que a Natura afirma em sua campanha não condiz com a VERDADE e, muito menos celebra a verdadeira maneira de ser homem.

– SER HOMEM É SER MACHO, SIM! Não falo de ser machista, mas sim exercer suas funções e instintos como macho. Ou seja, relacionamentos heterossexuais. Homem e Mulher e nunca o contrário disso.

 

Uma observação sobre o presente artigo

Ao escrevê-lo, expresso minha liberdade de crença, convicção e liberdade religiosa por que crer no que a Bíblia estabelece.

E ao discordar, contra argumentar e me opor ao que é declarado e afirmado nessa referida campanha publicitária. Uso da minha liberdade de expressão garantida pela atual constituição em vigência no nosso País.

Quanto a ser homofóbico (e suas variantes) aguardem um artigo que tratarei sobre esse assunto e o que realmente significa isso. Pois ter pensamentos e convicções diferentes é respeitar a liberdade religiosa e de expressão das outras pessoas também.

 

 

 

Em Cristo Jesus,

Filipe Paulo Christian

O que os homens de hoje deveriam estar aprendendo?

Afequenosune

Texto-Bíblico: 1 Reis 2:1-2

Existem valores e atitudes que tem sido esquecidas, abandonadas e até mesmo desprezadas nos dias atuais pelo o mundo de forma geral. E mesmo dentro das igrejas, temos um discurso que não tem condiz com a nossa prática no dia a dia.

Todo homem deve ter e manter valores e atitudes que os tornem homens melhores, diferentes e que os façam ser excelentes referenciais para as futuras gerações.

Entendo e creio que quando Cristo reina em nossos corações e vidas, nossos valores e atitudes vão se tornando a medida que nos relacionamos com Ele por meio das disciplinas espirituais (oração, leitura e estuda da Bíblia, jejum, obediência, comunhão com a igreja local, etc.), conformes o do nosso Senhor Jesus Cristo.

Já se em nossos corações quem reina é o nosso próprio ego ou algum tipo de ídolo (sexo, dinheiro, entretenimento, vícios, ídolos religiosos, etc.) nossos valores e atitudes irão tomar a forma dessas mesma coisas (Salmo 115:1-8).

Quem ou o quê tem reinado em seu coração e vida? E quais são os valores e atitudes que os homens de hoje deveriam estar ensinando e aprendendo?

– Serem Homens de Verdade!

1 Reis 2:1-2

Vivemos um tempo horrível e deprimente, onde os homens estão literal e totalmente abandonando suas responsabilidades e obrigações como homens. Basta vermos a quantidade de mães solteiras, a criminalidade que só aumenta e a vítimas também, a quantidade de crimes cometidos contra as mulheres e crianças, homens que tem abraçado o homossexualismo e toda prática sexualmente depravada, etc.

– Valorizarem e cuidarem de suas próprias famílias.

1 Timóteo 5:4,8 e 16

Os homens da atualidade parecem se importar cada vez mais e somente consigo mesmos. E menos com suas próprias famílias. Podemos ver isso desde simples atitudes de carinho e respeito que faltam, quanto atos cometidos contra a sua própria família ou outras famílias.

Literalmente, famílias estão sendo destruídas, arruinadas e roubadas por que lhes faltam homens que liderem, protejam e cuidem de suas próprias famílias.

– Como tratar, amar e cuidar de uma mulher

Efésios 5:25-33

Os homens de hoje em dia parecem pensar que devem e podem tratar as mulheres de todo jeito que quiserem. E que elas são meros objetos do seu próprio e egoísta prazer sexual. E infelizmente aprendem isso através de amigos, parentes, colegas de trabalho/escola e até mesmo por pais que abandonam seus lares e famílias por outras mulheres.

Os homens de hoje precisam aprender a como se relacionar e tratar as mulheres de maneira geral e, mais especificamente as suas próprias mulheres – ou aquelas que fazem parte de sua vida – como suas esposas, mães, filhas, parentes, amigas, colegas de trabalho, etc.

Bem como a assumirem e construírem relacionamentos duradouros e saudáveis (namoro, noivado e casamento). E agir e reagir com amor altruísta pelas mulheres, ajudando-as em suas fraquezas e dificuldades.

– Serem protagonistas de sua própria história (em casa, no trabalho, na escola, na igreja, na comunidade/bairro, na cidade e no mundo).

Josué 24:14-15/ 1 Samuel 17

É lamentável ver homens que não tomam iniciativa de paquerar e conquistar uma mulher, antes as mulheres é que acabam tomando essa atitude. De arrumar um emprego ou mesmo abrir um pequeno negócio, de assumir um cargo de liderança em suas igrejas, de iniciarem e concluírem com sucesso um curso superior, etc.

Falta aos homens de hoje, coisas simples e fundamentais a nossa formação como homens: iniciativa, pró-atividade, atitude e garra para conquistar, ter e realizar o que se quer.

– Serem mais úteis do que inúteis.

Marcos 9:33-36; 10:35-45/ João 13:1-17

Vivemos dois paralelos perigosos hoje em dia. Ou vivemos num ócio imenso, enfrente a um computador, televisão, celular. E sobrevivendo as custas dos nossos pais ou mesmo mulheres. Ou nossa vida se resume a meramente: futebol, beber, usar drogas, pegar cada vez mais mulheres, festas, etc. Uma vida egoísta e autodestrutiva mesmo.

E ao vivermos em algum desses dois paralelos, corremos o risco sério de sermos homens inúteis, fúteis e desprezíveis. Precisamos aprender a servir aos outros. A conjugar e praticar palavras como servir, mas também colaborar, ajudar, socorrer, amparar, cuidar e abençoar.

O famoso pregador metodista Jonh Wesley já dizia: “Senhor, não permita que sejamos inúteis”. Ou que vivamos vidas inúteis.

– Viverem e morrerem Pela Verdade

Atos 4:18-20/Efésios 4:11-15 e Judas v.3

Em um tempo de agitação política e disputas ideológicas, que muitos vivem, lutam e morrem por partidos políticos, movimentos sociais ou ideológicos, políticos corruptos, etc. Realmente vivem e relativizam a verdade e a mentira, o que é bom e o que é mau, o certo e o errado, o justo e o injusto, o herói e o vilão.

Só que se esquecem que não existe neutralidade ou algo entre a verdade e a mentira. Ou estamos de um lado ou do outro. É triste quando vejo homens cristãos (ou que se dizem cristãos) defenderem políticos corruptos, bem como seus partidos. Ou mesmo levantarem uma bandeira ideológica que além de ir totalmente contra a Palavra de Deus, vai de encontro frontal a tudo o que as ciências biológicas e médicas estabelecem como sendo macho e fêmea.

Realmente, a geração atual perdeu os valores e atitudes que mantém os homens como sendo homens. Que mantém uma família, igreja, empresa e nação de pé. Vemos uma cada vez maior liquidez de valores e atitudes que formaram os homens do passado e que raramente vemos nos dias de hoje.

Até mesmo dentro de muitas igrejas vemos isso, precisamos resgatar e trazer de volta esses valores e atitudes, bem como tantos outros que a Palavra de Deus nos ensina.

 

Em Cristo Jesus,

Filipe Paulo Christian

Sinais de um homem violento

hombre-violento-perfil

Texto-Bíblico: Provérbios 11:17

Cada dia que ligo a TV para acompanhar as notícias do nosso país e do mundo, vejo muitas coisas lamentavéis e horriveis lá fora, mas também aqui dentro do nosso Brasil ou ainda mais perto em nossas próprias cidades.

Em minha cidade por exemplo do início do deste ano até o mês de maio, os casos de estupro aumentaram bastante totalizando mais de 400 casos. Fora vários outros crimes cometidos contra as mulheres de modo geral, como abuso sexual e pedofilia na infância e adolescência de muitas delas, agressão física e verbal, estupro, violência doméstica em sua vida adulta e até mesmo na velhice ainda existem crimes sendo cometidos contra elas.

E quem comete esses crimes? Homens!

Então esse artigo, serve para alertar os pastores, pais, líderes de jovens, professores e demais homens cristãos para que sejamos uma influência santa e exemplar na vida dos futuros homens que participam do nosso convívio. Para que sejam homens diferentes e que amem realmente suas esposas com amor e atitudes diferenciadas por Cristo e suas famílias.

Mas também, cabe salientar aqui, a importância e necessidade dos pais observarem e conhecerem melhor o tipo de homem que está paquerando, namorando ou está noivo de suas filhas. Ou mesmo o tipo de amizade que os seus filhos tem na escola, rua, vizinhança e até mesmo na igreja (1 Cor 15:33/ Provérbios 13:20).

 

Eis alguns sinais de um homem violento ou que pode se tornar:

– Beliscar.

– Gritar ou Falar alto direto.

– Maltrata os pais. Não tem respeito pelos próprios pais e família.

– Segura seu pulso, apertar ou lhe arranha.

– Xingamentos, insultos e ofensas.

– Erra, pede desculpa e fica bonzinho. Mas depois repete de novo.

– Tem histórico familiar de violência doméstica, uso e abuso de álcool e drogas, envolvimento com a criminalidade. Nesse ponto, cabe aqui um julgamento equilibrado, pois nem todo mundo que tem uma família com um histórico negativo se torna como seus demais parentes, apesar de ser mais fácil. Portanto, observe, conheça, influencie e ajude de maneira que esse jovem trilhe um caminho diferente.

– Mudanças de humor repentina e/ou manifestações de raiva extrema;

– Bater nas paredes ou jogar objetos;

– Ciúme demasiado e/ou ser um homem possessivo;

 

Esses são somente alguns sinais que podem indicar que um homem é violento ou que ele pode se tornar no futuro. Aos pais digo vigiem e conheçam muito bem com que tipo de homem suas filhas está namorando e cuidem para que os seus próprios filhos se tornem homens diferentes e melhores para a Glória de Deus e alegria das mulheres.

 

*Na Bíblia, podemos ver alguns casos de violência cometida contra as mulheres: Nabal e Abigail (1 Samuel 25), Amnon e Tamar (2 Samuel 13) e Siquém e Diná (Gênesis 34)

 

Pois todo tipo de violência cometida e praticada contra as mulheres além de ser crime nas leis dos homens, são pecados cometidos contra o Senhor que nos criou, assim como também criou as mulheres e entregou aos homens a responsabilidade de serem protetores das mulheres e, não agressores.

 

Alguns artigos complementares ao assunto:

http://www.mulheresdicas.com/intimidade-feminina/quais-os-primeiros-sinais-de-um-homem-violento.html

http://pt.wikihow.com/Reconhecer-Sinais-de-um-Homem-Abusivo

https://www.dicasdemulher.com.br/6-sinais-de-que-voce-esta-em-um-relacionamento-abusivo/

https://familia.com.br/5947/5-sinais-de-abuso-domestico

 

Em Cristo Jesus,

Filipe Paulo Christian

Amor somente em palavras, como assim?

08-5-600x400

Texto-Bíblico: João 3:16/ 1 João 3:16

É muito mais fácil falar do que expressar o amor por sua namorada, noiva ou esposa além das palavras que ela já deve estar acostumada a ouvir em diversos momentos. Infelizmente, esse é um mal da grande maioria dos homens, se não todos.

Após o período de conquista e primeiros meses ou anos de um relacionamento amoroso, onde além das palavras haviam atitudes que expressavam amor pela pessoa amada. Costuma-se cair no hábito de resumir nosso amor, afeto, carinho e consideração por nossas amadas as poucas, pobres e vazias palavras de ‘eu te amo’.

Daí, fica-se a pergunta: acabou o amor?

Claro que não, mas infelizmente muitos homens pensam que basta somente dizer ‘eu te amo’, que está tudo resolvido e as mulheres felizes e satisfeitas. Não mesmo, elas precisam de algo mais…

E esse algo há mais se chama atitudes. Ou seja, que você homem, demonstre e declare de fato e em verdade esse amor que existe na sua cabeça e coração.

As palavras chaves no namoro, noivado e cada fase do casamento em relação ao amor são declarar e demonstrar, dois verbos que exigem ação e que devem andar sempre juntas.

Se você realmente quiser ter um casamento e família saudavéis, firmes e felizes, principalmente sua esposa. Declare o seu amor por ela e demonstre em atitudes diárias.

Declare – Infelizmente, existem homens que nem demonstram amor para com suas esposas, noivas ou namoradas. E nem sequer declararam de alguma forma, são verdadeiras pedras de gelo ambulantes. Não fique somente na intenção ou achando que ela sabe que você a ama. Declare, verbalize, se expresse com suas palavras.

Faça isso por cartas, bilhetes, mensagens pelo whatsapp ou demais redes sociais, gravando um vídeo para ela, agradecendo pelas boas coisas que ela faz e por quem ela é em sua vida, etc. Ou simplesmente ao elogiar, incentivar, encorajar e destacar tudo de bom, belo e importante que existe nela e que você vê ela fazendo.

Na internet, você pode encontrar excelentes dicas de como declarar o seu amor por ela. Além de bons livros a respeito.

Demonstre – Muito mais do que somente declarar ou dizer que a ama, demonstre de fato esse amor por sua amada. Através de atitudes diárias, como por exemplo, conversando diariamente com ela (todo ser humano, especialmente as mulheres amam conversar), abraçando, alisando o seu cabelo, ao dar um presente, leva-lá para passear, ajudar os seus familiares, tratá-la bem, ajudando nas tarefas domésticas, etc.

Porém, mesmo aqui, existem homens que são bons em demonstrar, mas pobres ou miseráveis em declarar-se para a sua namorada, noiva ou esposa. Seja por timidez, medo, criação e infância, ou mesmo achar que dar presentes e fazer ou dar certas coisas suprem todas as necessidades emocionais e pessoais de uma mulher.

Declarar e demonstrar devem ser uma constante em meu casamento e no seu também, una as suas palavras com suas atitudes. Isso é importante para conquistar uma namorada, mas também para regar um noivado e manter um casamento até o fim da vida de maneira a glorificar ao Senhor e satisfazer nossas amadas.

 

Deixarei alguns links úteis para saber um pouco mais sobre como se declarar e demonstrar o seu amor por sua namorada, noiva ou esposa. Mas antes gostaria de deixar três perguntas para a sua reflexão pessoal:

– Você já elogiou a sua amada hoje ou essa semana? elogiou de forma sincera?

– Seu amor é algo somente verbal, ou também é algo prático e diário?

– O que Jesus faria em seu lugar para declarar e demonstrar amor?

 

*Leia e medite nos seguintes textos bíblicos: Provérbios 5 e 6, 18:22, 30:18-19/ Todo o livro de Cantares de Salomão/ A história de Jacó e Raquel em Gênesis 29-30

 

Links com idéias Interessantes

https://br.pinterest.com/explore/presentes-rom%C3%A2nticos/?lp=true

https://familia.com.br/5962/10-presentes-originais-e-romanticos-para-o-dia-dos-namorados

https://familia.com.br/6077/7-dicas-de-presentes-originais-e-romanticos

Como dica de livros:

  • As 5 Linguagens do amor, de Gary Chapman. Edit. Mundo Cristão;
  • O amor como estilo de vida, de Gary Chapman. Editora Mundo Cristão;

 

Então, fica a dica e mãos a obra.

Em Cristo Jesus,

Filipe Paulo Christian

Por que os homens estão com problemas?

Por-Que-Mulher-de-Opinião-Assusta-os-Homens-11

William Bennett: as mulheres fizeram grandes avanços na conquista de várias coisas que antes somente os homens tinham conquistado. Ele diz que os homens ficaram para trás, agora representando menos da metade dos graduados da faculdade.

Os homens estão mais distantes das famílias, muitos não têm empregos e não têm maturidade.

Precisamos ensinar aos meninos o que eles precisam para crescer como homens.

Pela primeira vez na história, as mulheres são mais educadas, mais ambiciosas e sem dúvida mais bem sucedidas do que os homens.

Agora, a sociedade com razão celebrou a ascensão de um sexo. Nós dissemos: “Você vai menina”, e elas foram. Celebramos a ascensão das mulheres, mas o que faremos sobre o que parece ser o declínio muito real do outro sexo?

Os dados não são bons para os homens. Em 1970, homens obtiveram 60% de todos os diplomas universitários. Em 1980, o número caiu para 50%, em 2006 foi de 43%. As mulheres agora superam os homens em graus universitários em quase três ou dois. Os ganhos das mulheres cresceram 44% em reais entre 1970 e 2007, em comparação com o crescimento de 6% para os homens.

Em 1950, 5% dos homens na principal idade de trabalho estavam desempregados. A partir do ano passado, 20% não estavam trabalhando, o maior número já registrado. Os homens ainda mantêm a maior parte das ocupações mais bem remuneradas e mais poderosas, mas as mulheres as estão conquistando e em breve os passarão se essa tendência continuar.

Os sinais de alerta para os homens se estendem muito além das carteiras. Os homens estão mais distantes de suas famílias ou de seus filhos. A taxa de natalidade fora do casamento é mais de 40% na América. Em 1960, apenas 11% das crianças nos EUA viviam separadas de seus pais. Em 2010, essa participação aumentou para 27%. Os homens também são menos religiosos do que nunca. De acordo com a pesquisa de Gallup, 39% dos homens relataram freqüentar a igreja regularmente em 2010, em comparação com 47% das mulheres.

Se você não acredita nos números, basta perguntar a mulheres jovens sobre homens hoje. Você vai encontrá-los falando sobre adolescência prolongada e homens que se recusam a crescer. Ouvi muitas mulheres jovens perguntando: “Onde estão os homens solteiros decentes?” Há um déficit de maturidade entre os homens lá fora, e os homens estão ficando para trás.

Esse declínio nas virtudes fundadoras – trabalho, casamento e religião – chamou a atenção para comentaristas sociais de todos os cantos. Em seu artigo seminal, “The End of Men”, Hanna Rosin descobriu a inversão de papel sem precedentes que está ocorrendo hoje. “O homem tem sido o sexo dominante desde então, bem, o alvorecer da humanidade. Mas, pela primeira vez na história humana, isso está mudando – e com velocidade chocante”, escreve Rosin. As mudanças no trabalho moderno – de costas para cérebros – catapultaram as mulheres para o topo da força de trabalho, deixando os homens em suas poeiras.

A resposta do homem tem sido patética. Hoje, homens de 18 a 34 anos passam mais tempo jogando videogames por dia do que meninos de 12 a 17 anos. Enquanto as mulheres estão se formando na faculdade e encontrar bons empregos, muitos homens não vão trabalhar, não se casam e não criam famílias. As mulheres estão começando a tomar o lugar dos homens de muitas maneiras. Isso levou alguns a perguntar: precisamos mesmo de homens?

Então, o que está errado? Cada vez mais, as mensagens aos meninos sobre o que significa ser um homem são confusas. O machismo da gangue da rua chama com um arrogante. Videogames, televisão e música oferecem lições duvidosas para meninos que foram abandonados por seus pais. Alguns treinadores e sargentos do exército gritam: “Que tipo de homem é você?” Mas não explicam.

Os filmes estão repletos de histórias de homens que se recusam a crescer e se recusam a assumir a responsabilidade nos relacionamentos. Os homens, alguns obcecados com o sexo, tratam as mulheres como brinquedos para serem descartados quando as coisas se complicam. Através de todos esses sinais diferentes e conflitantes, nossos meninos devem decifrar o que significa ser um homem, e para muitos deles é mais difícil descobrir.

Para que os meninos se tornem homens, eles precisam ser orientados através de conselhos, hábitos, instruções, exemplos e correções. É verdade em todas as idades. Alguém já caracterizou as duas questões essenciais que Platão representava: quem ensina as crianças e o que nós ensinamos? Cada geração de homens e mulheres tem a obrigação de ensinar os jovens do sexo masculino (e as mulheres, é claro) que estão por trás deles. William Wordsworth disse: “O que amamos, outros vão adorar, e nós vamos ensinar-lhes como”. Quando faltam nessa obrigação, o problema certamente segue.

Precisamos responder a esta cultura que envia sinais confusos aos jovens, uma cultura agnóstica sobre o que deseja que os homens sejam, com uma noção clara e realizável de masculinidade.

Os fundadores acreditavam, e as evidências ainda mostram que o trabalho, o casamento e a religião são uma base muito importante para o empoderamento e a conquista masculino. Talvez devamos dizer a um bom número de nossos homens de vinte e poucos anos: “Saiam dos videogames cinco horas por dia, obtenha um trabalho desafiador e case-se”. É hora de homens se levantarem.

Por William J. Bennett, avaliador CNN

Link do artigo em Inglês, abaixo

http://edition.cnn.com/2011/10/04/opinion/bennett-men-in-trouble/index.html

Por que os homens adiam cada vez mais o casamento?

18392761.jpg-r_640_600-b_1_D6D6D6-f_jpg-q_x-xxyxx

Texto-Bíblico: Provérbios 13:12

Um problema bastante atual é que cada vez mais homens continuam a viver como se ainda tivessem 12, 15 ou 18 anos. Quando na realidade já passaram dos 25, 28 ou mesmo 30 anos e ainda vivem a mesma vida de quando eram adolescentes ou crianças, ou seja, jogando videogame, morando com os pais, muitos sem um emprego, nem sequer possuem uma graduação superior e quando não vivem trocando de relacionamentos, não tem nenhum.

Em contrapartida, as mulheres tem buscado a própria independência mais cedo, conseguem comprar um apartamento ou carro ainda solteiras, estão melhor preparadas para a vida e para o mercado de trabalho do que os homens (muitas vezes mais), são capazes de permanecer por toda a vida com um único parceiro (diferente dos homens que vivem trocando de namoradas e/ou esposas), dentre tantas outras coisas que as mulheres de hoje superam em muito a nós homens.

E para a nossa tristeza geral, esses fatores (e outros como veremos abaixo) tem contribuído para o adiamento ou demora em assumir um casamento, ou mesmo fugirem literalmente de tal compromisso.

Mas quais são esses fatores em específico que causam o adiamento do casamento?

Vejamos abaixo os principais deles:

– Falta de condições financeiras “ideais” para o casamento;

– Priorizar outras coisas em detrimento do casamento/família;

– Falta de maturidade espiritual e emocional, bem como de assumir responsabilidades;

– Falta ou pouco planejamento prático no sentido de se casar e construir sua vida junto a esposa/noiva;

– Por não saberem realmente como lidar com o casamento ou mesmo terem medo;

– Adiar o casamento somente para depois de concluir a faculdade ou passar em um concurso público;

 

Vejo atualmente duas realidades inconvenientes e tristes infelizmente, uma é a de casais de namorados e noivos vivendo uma vida sexual bastante ativa antes do casamento. E outra é passar um longo tempo de namoro e/ou noivado e depois de tanto tempo simplesmente chegar ao fim do relacionamento de uma maneira muito infeliz devido ao investimento de tempo, dinheiro, expectativas criadas e tantas outras coisas.

Solteiros, Namorados e noivos tenha propósito em seus relacionamentos. O propósito de Glorificar ao Senhor em tudo e o de serem felizes e santos juntos. Orem, façam um curso de noivos ou aconselhamento pré-nupcial, conversem bastante um com o outro, participem de cultos e eventos para casais, planejem cada passo a passo do casamento e vida de vocês e mãos a obra.

O melhor conselho para os homens solteiros continua sendo o do apóstolo Paulo:

“Digo, no entanto, aos solteiros e às viúvas: Melhor seria se permanecestes como eu. Porém, se não vos é possível controlar-se, que se casem. Porque é melhor casar do que viver queimando de paixão.”  1 Coríntios 7:8-9

 

Em Cristo Jesus,

Filipe Paulo Christian

Diga NÃO ao Abuso Infantil!

brasil-abuso-infantil-prostituicao-20140321-001-original1

Texto-Bíblico: Gênesis 34:1-31 e 2 Samuel 13

O abuso infantil ocorre quando “um sujeito em condições de superioridade (idade, força, posição social ou econômica, inteligência, autoridade) comete um ato ou omissão capaz de causar dano físico, psicológico ou sexual, contrariamente á vontade da vítima, ou por consentimento obtido a partir da indução ou sedução enganosa.

As crianças que sofrem os abusos, em geral, mudam de comportamento, podendo se tornar submissas ou violentas, amadurecer sexualmente de forma precoce ou até demonstrar repúdio quando acariciadas. Identificar e tratar este tipo de violência é importante para evitar sequelas futuras.

Além da prevenção, o combate a essa realidade exige que os casos sejam denunciados. Portanto, se souber de algum caso de violência sexual infantil, procure o conselho tutelar, delegacias especializadas, polícia militar, federal ou rodoviária e ligue para o Disque Denúncia Nacional, de número 100.

Fonte: Movimento Pais no Insta

https://pt.wikipedia.org/wiki/Abuso_sexual_de_menor

Link para Mais conteúdos em Vídeos (campanhas, curta metragem e dicas para prevenir e proteger seus filhos)

https://www.youtube.com/watch?v=O1C9WdNdyYI

https://www.youtube.com/watch?v=d4kiduhsCco

https://www.youtube.com/watch?v=URB_oB6t8Aw

https://www.youtube.com/watch?v=_EiJZV1jT6o

https://www.youtube.com/watch?v=ip8qExflFBk

https://www.youtube.com/watch?v=DnoJH-PqFFw

https://www.youtube.com/watch?v=IySSJbASwVM

 

Em Cristo Jesus,

Filipe Paulo Christian