Arquivo da tag: Noticias

Qual o problema com Banheiros Unissex?

 

banheiros-unixex-310x165

Desde a primeira vez que pude ouvir e conhecer mais a respeito da ideologia de gênero, pude perceber claramente suas implicações nas famílias, igrejas, empresas, vida em sociedade e no mundo todo, como hoje em dia podemos constatar ao fazer uma simples pesquisa no Google.

Vemos notícias que falam de doutrinação ideológica nas escolas com crianças pequenas até adolescentes (principalmente eles e com ou sem o consentimento dos pais), perda ou retirada da guarda dos próprios filhos no Canadá (caso os pais discordem da ideologia de gênero), ensino explicito e implicito da ideologia de gênero e ativismo LGBTZ em desenhos infantis, séries e filmes cada vez mais, bem como tantas outras tristes notícias de como a ideologia de gênero tem se espalhado em todo o mundo, como um câncer nas famílias, sociedade, nações e mundo todo.

E inclusive, para a nossa tristeza, muitas igrejas outrora cristãs agora estão abraçando a teoria/ideologia de gênero, feminismo, apoio ao aborto, etc. Podemos encontrar não somente na Europa, EUA e Canadá, mas também aqui no Brasil. Onde existem várias igrejas apóstatas quer seja declaradamente ou discretamente ao serem politicamente corretos aos padrões do mundo.

E dentre essas tantas notícias e implicações, vem a questão dos banheiros mistos, únicos, trans, ou qualquer outro nome que queiram usar para essa bizarrice deles.

O problema da implantação dessa idéia diabólica e absurda (que infelizmente tem sido acatada por cada vez mais setores da nossa sociedade) é que ignora claramente e descartar totalmente as diferenças físicas, genéticas, fisiológicas, psicológicas e sociais entre os homens e as mulheres.

Além de acabar por colocar crianças, adultos, meninos e meninas, homens e mulheres, pessoas de diferentes procedências e contextos, tudo em um só lugar. O que acaba por trazer constrangimento, casos de estupros e violência contra as mulheres, roubos, etc.

 

E tudo isso pra quê?

banheiro

 

Simplesmente para atender caprichos de pessoas egoístas, ignorantes e que sempre recorrem ao vitimismo, argumentos sentimentais e apelativos (e nada cientificos!) e que sempre rotulam quem discorda deles como “homofóbicos”, “Opressores”, dentre outros adjetivos, substantivos e palavras novas que eles mesmos criam e definem o seu significado.

Ao se criarem banheiros mistos ou por ideologia de gênero, criam-se sérios problemas para a sociedade como um todo, somente por causa de uma minoria. Vejamos:

– Ignorar, Rejeitar e Deturpar as claras diferenças biológicas entre HOMENS e MULHERES;

– Sujeita crianças e adolescentes (meninos ou meninas) a serem roubados, assediados, abusados e violentados;

– Possibilidade já comprovada de maior indice de crimes contra as mulheres, como assédio sexual, constrangimentos, estupro, etc;

– Desrespeito aos direitos da maior parte da população brasileira;
Além de tantas outras consequências que virão sobre todos aqueles que são coniventes com essa prática absurda.

Que os homens possam continuar urinando em pé como sempre foi e as mulheres possam conversar com suas amigas, arrumar a maquiagem ou cabelo e, relaxar sentadas e tranquilas sem medo de serem estupradas dentro do banheiro.

Não concordamos com o banheiro misto e outras invenções doentias oriundas da ideologia de gênero, feminismo e ativismo LGBTZ.

Como já dizia um dito popular bem conhecido aqui no Nordeste:
“Cada macaco no seu galho”, ou seja, cada um no seu devido lugar/local.
Nada mudará o fato comprovado bíblica, social, mental, cultural, histórico e cientifico de que só existem dois sexos/gêneros – Homem e Mulher. E isso nunca mudará, ainda que mudem o exterior.

Em Cristo Jesus,
Filipe Paulo Christian

 

 

Para se aprofundar no assunto…
https://ipco.org.br/ipco/loucura-da-ideologia-de-genero-escola-maternal-na-suecia-proibe-que-criancas-sejam-tratadas-como-meninos-e-meninas/#.WapABvk97IU
https://pt.zenit.org/articles/o-exemplo-da-suecia-um-pais-totalmente-contaminado-pela-ideologia-de-genero/
https://guiame.com.br/gospel/mundo-cristao/rede-globo-esta-se-especializando-em-destruir-familia-diz-pastor-ex-gay.html
http://www.apocalipsenews.com/brasil/brasil-dilma-decreta-reconhecimento-da-identidade-de-genero-e-gays-poderao-usar-o-mesmo-banheiro-da-sua-filha/
http://www.rainhamaria.com.br/Pagina/19986/A-verdade-sobre-a-guerra-dos-banheiros-O-movimento-para-permitir-que-as-pessoas-usem-o-banheiro-de-sua-escolha-nada-mais-e-do-que-a-fase-mais-recente-da-revolucao-sexual
http://www.citizengo.org/pt-pt/fm/70881-pela-revogacao-do-decreto-do-governo-do-estado-sao-paulo-que-autoriza-uso-dos-banheiros
https://www.passedigital.com.br/post.jsp?u=2147483647&p=2zYNkz&redirect=1
http://www.conservadorismodobrasil.com.br/2017/04/o-equivoco-da-ideologia-de-genero-quanto-ao-uso-dos-banheiros.html
http://www.gazetadopovo.com.br/vida-e-cidadania/acesso-a-banheiros-escolares-por-identidade-de-genero-volta-a-gerar-polemica-2ffwh8qznpvlvi6638ucl7s45
http://www.rededefesadafamilia.com.br/voce-sabe-o-que-e-um-banheiro-que-respeita-a-identidade-de-genero/

Anúncios

Sobre o Tráfico de Seres Humanos

2770764780-filme-prisioneiras-nunca-mais

O tráfico de seres humanos é uma triste realidade que existe desde muito tempo atrás e continua mesmo nos dias atuais. Ocorrendo principalmente na Europa e Ásia, mas também em diversos países do mundo. Inclusive, ocorre aqui no Brasil em muitas estradas, rodovias e cidades do interior.

O Tráfico de Seres Humanos (TSH) é um crime contra a liberdade pessoal, que afecta milhões de pessoas em todo o mundo. Envolve a movimentação de pessoas entre fronteiras internacionais ou dentro de um mesmo país, com o objectivo de as sujeitar a diversos tipos de exploração.

Nesse primeiro artigo sobre esse tema lamentável, gostaria de recomendar 3 filmes que me ajudaram a entender e conhecer um pouco mais e melhor essa difícil questão que tem destruído vidas em todo o mundo, inclusive em nosso País.

Assista, Reflita, Compartilhe e, mais do que tudo busque cuidar e proteger mais ainda sua família. Bem como ajudar para que esse mal tão atual em nossos dias, seja enfrentado, combatido e eliminado.

Recomendo os seguintes filmes:
– Priceless
Você pode encontrar na internet, porém estará legendado.
http://www.pricelessmovement.com/

– Prisioneiras Nunca Mais
Disponível no Youtube (Dublado), nos seguintes Links

– Antes que seja Tarde
Disponível no Youtube (Dublado), nos seguintes Link:

 

Nesses filmes além de saber um pouco mais, você poderá entender como ocorre o processo do tráfico de seres humanos (TSH), bem como perceber que o alvo desses traficantes são crianças, adolescentes e mulheres.

As vítimas são justamente quem não pode se proteger e defender-se. E quem deve e pode defendá-las, proteger e lutar por suas vidas?

A resposta de Deus para esse mal e tantos outros que tem destruído milhões de vidas em todo o mundo é exatamente – Você, Homem!

Nós homens somos o problema, NÓS SOMOS O PLANO E A SOLUÇÃO DE DEUS EM CRISTO JESUS.

 

Em Cristo Jesus,
Filipe Paulo Christian

Links para se aprofundar mais sobre esse tema:

https://pt.wikipedia.org/wiki/Tr%C3%A1fico_de_pessoas
http://www.infojovem.org.br/infopedia/descubra-e-aprenda/cultura-de-paz/trafico-de-seres-humanos/
http://www.justica.gov.br/sua-seguranca/seguranca-publica/senasp-1/trafico-de-seres-humanos
http://ultimosegundo.ig.com.br/mundo/2016-10-20/trafico-humano.html

Por que os homens estão com problemas?

Por-Que-Mulher-de-Opinião-Assusta-os-Homens-11

William Bennett: as mulheres fizeram grandes avanços na conquista de várias coisas que antes somente os homens tinham conquistado. Ele diz que os homens ficaram para trás, agora representando menos da metade dos graduados da faculdade.

Os homens estão mais distantes das famílias, muitos não têm empregos e não têm maturidade.

Precisamos ensinar aos meninos o que eles precisam para crescer como homens.

Pela primeira vez na história, as mulheres são mais educadas, mais ambiciosas e sem dúvida mais bem sucedidas do que os homens.

Agora, a sociedade com razão celebrou a ascensão de um sexo. Nós dissemos: “Você vai menina”, e elas foram. Celebramos a ascensão das mulheres, mas o que faremos sobre o que parece ser o declínio muito real do outro sexo?

Os dados não são bons para os homens. Em 1970, homens obtiveram 60% de todos os diplomas universitários. Em 1980, o número caiu para 50%, em 2006 foi de 43%. As mulheres agora superam os homens em graus universitários em quase três ou dois. Os ganhos das mulheres cresceram 44% em reais entre 1970 e 2007, em comparação com o crescimento de 6% para os homens.

Em 1950, 5% dos homens na principal idade de trabalho estavam desempregados. A partir do ano passado, 20% não estavam trabalhando, o maior número já registrado. Os homens ainda mantêm a maior parte das ocupações mais bem remuneradas e mais poderosas, mas as mulheres as estão conquistando e em breve os passarão se essa tendência continuar.

Os sinais de alerta para os homens se estendem muito além das carteiras. Os homens estão mais distantes de suas famílias ou de seus filhos. A taxa de natalidade fora do casamento é mais de 40% na América. Em 1960, apenas 11% das crianças nos EUA viviam separadas de seus pais. Em 2010, essa participação aumentou para 27%. Os homens também são menos religiosos do que nunca. De acordo com a pesquisa de Gallup, 39% dos homens relataram freqüentar a igreja regularmente em 2010, em comparação com 47% das mulheres.

Se você não acredita nos números, basta perguntar a mulheres jovens sobre homens hoje. Você vai encontrá-los falando sobre adolescência prolongada e homens que se recusam a crescer. Ouvi muitas mulheres jovens perguntando: “Onde estão os homens solteiros decentes?” Há um déficit de maturidade entre os homens lá fora, e os homens estão ficando para trás.

Esse declínio nas virtudes fundadoras – trabalho, casamento e religião – chamou a atenção para comentaristas sociais de todos os cantos. Em seu artigo seminal, “The End of Men”, Hanna Rosin descobriu a inversão de papel sem precedentes que está ocorrendo hoje. “O homem tem sido o sexo dominante desde então, bem, o alvorecer da humanidade. Mas, pela primeira vez na história humana, isso está mudando – e com velocidade chocante”, escreve Rosin. As mudanças no trabalho moderno – de costas para cérebros – catapultaram as mulheres para o topo da força de trabalho, deixando os homens em suas poeiras.

A resposta do homem tem sido patética. Hoje, homens de 18 a 34 anos passam mais tempo jogando videogames por dia do que meninos de 12 a 17 anos. Enquanto as mulheres estão se formando na faculdade e encontrar bons empregos, muitos homens não vão trabalhar, não se casam e não criam famílias. As mulheres estão começando a tomar o lugar dos homens de muitas maneiras. Isso levou alguns a perguntar: precisamos mesmo de homens?

Então, o que está errado? Cada vez mais, as mensagens aos meninos sobre o que significa ser um homem são confusas. O machismo da gangue da rua chama com um arrogante. Videogames, televisão e música oferecem lições duvidosas para meninos que foram abandonados por seus pais. Alguns treinadores e sargentos do exército gritam: “Que tipo de homem é você?” Mas não explicam.

Os filmes estão repletos de histórias de homens que se recusam a crescer e se recusam a assumir a responsabilidade nos relacionamentos. Os homens, alguns obcecados com o sexo, tratam as mulheres como brinquedos para serem descartados quando as coisas se complicam. Através de todos esses sinais diferentes e conflitantes, nossos meninos devem decifrar o que significa ser um homem, e para muitos deles é mais difícil descobrir.

Para que os meninos se tornem homens, eles precisam ser orientados através de conselhos, hábitos, instruções, exemplos e correções. É verdade em todas as idades. Alguém já caracterizou as duas questões essenciais que Platão representava: quem ensina as crianças e o que nós ensinamos? Cada geração de homens e mulheres tem a obrigação de ensinar os jovens do sexo masculino (e as mulheres, é claro) que estão por trás deles. William Wordsworth disse: “O que amamos, outros vão adorar, e nós vamos ensinar-lhes como”. Quando faltam nessa obrigação, o problema certamente segue.

Precisamos responder a esta cultura que envia sinais confusos aos jovens, uma cultura agnóstica sobre o que deseja que os homens sejam, com uma noção clara e realizável de masculinidade.

Os fundadores acreditavam, e as evidências ainda mostram que o trabalho, o casamento e a religião são uma base muito importante para o empoderamento e a conquista masculino. Talvez devamos dizer a um bom número de nossos homens de vinte e poucos anos: “Saiam dos videogames cinco horas por dia, obtenha um trabalho desafiador e case-se”. É hora de homens se levantarem.

Por William J. Bennett, avaliador CNN

Link do artigo em Inglês, abaixo

http://edition.cnn.com/2011/10/04/opinion/bennett-men-in-trouble/index.html